>
 

O Foco Correto



            "A amargura concentra-se em o que você 'não' tem, não no que você tem." - M. ‚Äč‚ÄčLucado

             "Segui a paz com todos m e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor,  atentando, diligentemente, por que ninguém seja faltoso, separando-se da graça de Deus; nem haja alguma raiz de amargura que, brotando, vos perturbe, e, por meio dela, muitos sejam contaminados..." (Hebreus 12:14-15 RA)

            "Esforcem-se para viver em paz com todos e para serem santos; sem santidade ninguém verá o Senhor. Cuidem que ninguém se exclua da graça de Deus. Que nenhuma raiz de amargura brote e cause perturbação, contaminando a muitos." (Hebreus 12:14-15 NVI)

            Não vale a pena perder a graça de Deus, devido à amargura e ressentimento.

            Tem sido dito que "o ácido só prejudica o vaso que o segura." Se você manter a amargura em seu coração, você está fazendo mais dano a si mesmo, do que a pessoa que o magoou, porque o ácido da amargura corrói seu coração, alma e gozo - todos os dias.

            Algumas pessoas seguram a ira e amargura, porque se sentem que isto lhes dar o controle sobre a outra pessoa. Muitas vezes a pessoa que lhe machuca, não tem nenhuma idéia, nem mesmo se importa se está lhe ferindo. Alguns também pensam que por perdoar e abrir mão da amagura, eles estão dizendo que é tudo bem que têm lhe ferido.

            Perceba que o perdão não é acerca de "deixar a outra pessoa fora do gancho", mas trata-se de "tirar a faca de seu próprio coração." Deus vê tudo e trará tudo ao juízo.

            Salmos 103:2 nos instrui a "Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios."

            Refoca sua visão fora da amargura, refocando-a nos benefícios e nas bênçãos de Deus, pois isto garantirá que a amargura não roubará seu gozo.

            Lembre-se: Quando você aporta a amargura, a felicidade se ancorará em outro lugar.

Autor Desconhecido