>
 

Amor Ou Indiferen├ža?

            "... eis que a palavra do Senhor é para eles coisa vergonhosa; não gostam dela." (Jeremias 6:10)

            Deus enviou vários profetas para a nação de Israel ao longo de muitos anos. Basicamente estes profetas, na melhor das hipóteses foram ignorados, mas em muitos casos foram severamente perseguidos e maltratados. Eles, contrário à noção popular, não foram enviados por Deus necessariamente para predizer o que aconteceria nos anos futuros, pois a missão deles foi a de ser pregadores da Palavra de Deus, mensageiros de Deus para o povo. Eles levantaram a voz contra os males e pecados do dia, e por isso foram odiados terrivelmente pelos transgressores. É necessário se lembrar que estes homens, tidos pela maioria de ser meros homens, quando na realidade foram homens chamados por Deus, ungidos por Deus e enviados com uma mensagem especial.

            Estas mensagens não foram populares, pois continham palavras de advertência aos malfeitores. Desprezaram os homens chamados por Deus; também ignoravam e desobedeciam as mensagens enviadas para eles por intermédio destes servos do Senhor. O versículo texto acima relata que estes homens ímpios não gostavam da Palavra do Senhor e considerando-A como algo vergonhoso. Por palavras e ações declararam que não gostavam da Palavra do Senhor. Referindo-se ao caminho do Senhor dizeram: "... Não andaremos nele." (v. 16) Em referência a mensagam do Senhor eles dizeram: "... Não escutaremos." (v. 17) O capítulo segue explicando e os advertindo com respeito as consequências da sua atitude e ações. A história comprova quais foram as consequências desta atitude reprovável.

            Bem, a história em nada nos serve de bom proveito a não ser que aprendemos as lições que os antepassados aprenderam no duro castigo de Deus. Qual é, então, a moral desta história? A moral é que devemos observar nossas próprias atitudes em relação à Palavra de Deus. Você A ama ou ignora? Você leva suas advertências com seriedade ou com indiferença? Há basicamente três possíveis atitudes de ter em relação a Palavra: Amar, Ignorar ou Odiar. Alguém pode dizer: "Bem, não posso dizer que amo a Palavra, mas pelo menos não A odeio." Esta atitude normalmente resulta em ignorar a Palavra. Posso lhe perguntar algo mais? Qual é a diferença entre aquele que odeia a Palavra e aquele que somente ignora? É fácil ver, não é, que o resultado será o mesmo?

            Davi se expressa desta maneira; "A tua palavra é muito pura; portanto, o teu servo a ama." (Salmos 119:140)

            Ezequiel acrescenta sua voz, mostrando a hipocrisia do povo: "Eles vêm a ti, como o povo costuma vir, e se assentam diante de ti como meu povo, e ouvem as tuas palavras, mas não as põem por obra; pois, com a boca, professam muito amor, mas o coração só ambiciona lucro." (Ezequiel 33:31 Mais: "Eis que tu és para eles como quem canta canções de amor, que tem voz suave e tange bem; porque ouvem as tuas palavras, mas não as põem por obra." (v. 32)

            Qual é sua atitude em relação a Palavra de Deus? Amor ou Indiferença?

Philip D. Walmer

Pensamento do Dia: Contínuo crescimento em Cristo vem de um aprofundamento do conhecimento Dele.